Quarta-Feira, 5 de Maio de 2021

Victor Barboza

Victor Barboza é fundador da GFC - Gestão Financeira Criativa e atua com Educação Financeira e Gestão Financeira de pequenos negócios

Ver todas as colunas

8 dicas para realizar uma viagem para o exterior



Viajar para o exterior é o sonho de muitos brasileiros, por possibilitar conhecer novas culturas, comidas, hábitos e produtos. Porém, é importante ficar atento com particularidades e se preparar bem para que o sonho seja realizado e não acabe trazendo pesadelos financeiros. Confira algumas dicas:

 

1)      Planejamento e Orçamento

Antes de mais nada, a primeira etapa para realizar uma viagem internacional é se planejar. Pesquisar as opções de locais onde deseja-se viajar, a moeda local e quanto está cotada, os preços médios de hospedagem, passagem, alimentação. Conversar com pessoas que já foram para o local, ou procurar fóruns e grupos na internet para avaliar essas informações acaba ajudando a criar a ideia do orçamento necessário para a viagem.

Uma vez encontrado esse valor, é preciso juntar o dinheiro para que a viagem saia bem e não gere dores de cabeça com pagamentos. O Poupômetro e o Sonhômetro são ótimas ferramentas, da metodologia PROFE, que ajudam nessa definição.

 

2)      Compre a passagem pelo melhor preço

 

Comprar passagens aéreas não é algo tão simples, pelo fato da grande variação dos preços. Até 2002, o Governo era o grande encarregado em definir as taxas de preços de bilhetes aéreos. A partir dai, foi criada a chamada liberdade tarifária, na qual a responsabilidade passou a ser das próprias companhias aéreas. A precificação envolve as despesas relativas aos voos e aos deslocamentos das aeronaves (combustível, aeroporto, salários, manutenção, serviço de bordo, impostos) e também de acordo com as demandas do mercado.

Ao contrário da maioria dos demais serviços e produtos, que apresentam variações de preço mensais, a variação dos preços de passagens pode ser até de minuto em minuto, influenciados pelo dia da semana, pela antecedência, dia de embarque e desembarque, época da viagem, horários do voo, escalas e riscos de atraso. Dessa forma, as companhias aéreas possuem sistemas que atuam como se fossem os Home Brokers utilizados para compra e venda de ações na bolsa de valores, com a oscilação dos preços de acordo com a oferta e a demanda.

Em outras palavras, quando existe uma alta procura por uma passagem, a tendência é que seu preço suba enquanto o caso reverso, onde a procura é baixa, apresenta uma tendência de barateamento do preço, para que a empresa não voe sem uma ocupação mínima. Leonardo Marques, fundador do site Melhores Destinos, em entrevista ao Uol, disse que a ocupação mínima para que as empresas aéreas não tenham prejuízo é de 60% da capacidade da aeronave. 

Para encontrar os melhores preços, portanto, é preciso ir analisando o preço da passagem ao longo do tempo. Sites como o Melhores Destinos, Decolar, Viajanet costumam mostrar a comparação de preços entre companhias aéreas e trazer ofertas e descontos nas passagens. Outra forma de conseguir descontos é através do uso de milhas. O site MaxMilhas realiza a intermediação entre pessoas que quere viajar e pessoas que querem vender suas milhas. O 123Milhas também tem funções semelhantes.

 

3)      Não compre a moeda estrangeira de uma só vez

A troca do Real pela moeda estrangeira é uma operação chamada de câmbio. As moedas são ativos financeiros que possuem uma alta volatilidade, por sofrerem diretamente com medidas políticas e econômicas a nível global. 

Por estar relacionada à economia e á política, essas cotações acabam sendo muito imprevisíveis, portanto, para minimizar o risco de comprar tudo a um preço muito alto, é importante ir comprando aos poucos, buscando as melhores taxas de câmbio.

Essas taxas, no caso de compras diretas (de parentes e amigos, por exemplo), acabam não existindo, porém, para compras em casas de câmbio, acabam sendo empregadas. É ai que vale a pena visitar o site Melhor Câmbio. Ele lista as melhores taxas de câmbio cobradas na região pré-determinada.

 

4)      Buscando hospedagem

 

Além da passagem aérea, um outro gasto de peso em viagens pode ficar por conta da hospedagem. Da mesma forma que as pesagens precisam ter seus preços consultados e comparados, o mesmo acontece com hotéis e pousadas. Boa parte deles também apresentam variações de preços constantes por conta da oferta e demanda.

Para pesquisar preços de hospedagens na região em que você ficará, também existem sites que ajudam nesse trabalho: Booking, Trivago, Hotel Urbano. Todos eles, além de pesquisas no Google são importante para consulta do preço e da qualidade dos locais. Com isso, deve-se buscar o melhor custo-benefício.

Uma alternativa que vem ganhando cada vez mais força, pelo ótimo custo-benefício é o Airbnb. Nele, pessoas oferecem quartos e espaços para hospedagem. Diversos lugares também apresentam Hostels como boas opções de economia na conta, onde os quartos são compartilhados.

5)      Alimentação: busque as melhores opções para o seu bolso

A alimentação é uma necessidade que pode sair barata ou cara. O primeiro passo é verificar no destino, quais são as opções de restaurantes, bares e cafeterias, não só em relação ao tipo de comida oferecida, mas também em relação à qualidade e ao preço. Aplicativos como o Foursquare e o Tripadvisor ajudam muito nessa tarefa. Pesquise também no Google Maps a distância dos locais.

Também é importante verificar se o local onde você ficará hospedado possui alguma refeição inclusa. Muitas vezes o café da manhã já está incluso.

Vários países também têm cultura forte de cupons de desconto. Verifique na internet e com funcionários de hotéis e hostels se existem esses cupons. Aproveite e pegue indicações de restaurantes!

6)      Translados

Um gasto da viagem que não pode ser esquecido é o de deslocamentos dentro da região visitada. É importante desde o começo verificar as opções que existem no local: ônibus, metrô, táxi, aplicativos. Em muitos casos, o aluguel de carro também acaba sendo uma boa opção.

7)      Evite usar o cartão de crédito e cuidado com os impostos

Em viagens internacionais, todo cuidado do mundo deve ser tomado em relação às compras com cartão de crédito. Esse tipo de operação acaba tendo o acréscimo de um imposto na fatura do cartão: o Imposto sobre Operações Financeiras (IOF). Além desse impostos, é preciso tomar cuidado com o esquema de compras em certos países. Ao contrário do que acontece no Brasil, onde o preço dos produtos na prateleira já tem o valor os impostos embutido, países como os EUA não funcionam assim. Será só no caixa que o valor do imposto será acrescido.

8)      Separe o dinheiro

Por fim, tome cuidado com o início da viagem! Nos primeiros dias, quando muita coisa nova aparece, a empolgação ainda está elevada e a sensação de ter bastante dinheiro faz com que muita gente acabe gastando quase tudo nos primeiros dias e passe apertado no restante da viagem. Evitar comprar no primeiro dia pode ser bom, para que seja feita uma avaliação dos preços e busca dos melhores lugares para compra. Muitas vezes acabamos sendo induzidos a comprar naquele momento, imediatamente, porém os produtos ficarão lá e aparecerão outras opções de lojas. Uma boa tática para controlar os gastos da viagem é separar o dinheiro total em valores diários. Por exemplo, se você for viajar por 10 dias e tiver R$ 1.000 para compras, separe R$ 100 para cada dia. Esse dinheiro pode ser colocado em envelopes ou pelo menos tirado do dinheiro do dia-dia.

 










Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.