Sexta-Feira, 15 de Novembro de 2019

Caroline Silva Fraga

Eu sou Fonoaudióloga, Palestrante, trabalho com aperfeiçoamento da comunicação.
Eu atuo na área de Aperfeiçoamento da Comunicação há 06 anos. O que eu venho percebendo atendendo inúmeros clientes a falta de “consciência” da forma como se comunica e perdendo assim, oportunidades de conquistar um emprego ou uma promoção tão sonhada.Então, eu quero te ajudar a ter consciência a partir dicas, orientações e notícias sobre fala dicção, projeção vocal, qualidade da voz, postura corporal, expressões faciais, construção de argumentos etc.

Acesse o meu Blog pessoal: www.phvoz.com
Lá você encontrará textos enriquecedores para continuar a sua jornada de Sucesso!!

Ver todas as colunas

AH!! Como é bom saber, se é pouco ou se é muito intenso...



 

Eu vou fazer uma retrospectiva rapidinha, no texto que postei no dia 14 de julho, eu falei do efeito Barack Obama de discursar e ainda dei dicas para você começar a dar UP na sua comunicação e ser orador(a) que seduz o seu ouvinte. Mas se você ainda não leu, volte no post anterior e leia, pois têm dicas relevantes que eu fiz especialmente pensando em você para construção de uma comunicação eficiente, segura e que alavanque ainda em 2018 a sua carreira.

Antes de entrar no assunto, quero te pedir que compartilhe essas informações com seus amigos, familiares, conhecidos, vizinhos, com todo mundo. E mande um e-mail para mim com comentários sobre esse post, suas dúvidas, o que te incomoda na sua forma de falar, para que eu possa te ajudar escrevendo um texto sobre isso, porque pode ser um problema seu e de outras pessoas.

Então o assunto de hoje, eu vou esmiuçar a “DICA” que dei no texto anterior que foi sobre intensidade vocal, o impacto de falar alto ou baixo demais.

Mas para início de conversa, responda-me uma coisa, quem é que nunca ficou numa situação de alguém mandar você que estava falando alto para falar baixo, ou o contrário, quem estava falando baixo  para falar alto? Em algum momento, nós passamos por uma situação assim, mas a questão é que uma comunicação eficiente depende de uma linguagem apropriada e um bom desempenho vocal, sendo a voz recomendada em uma intensidade confortável.

Você pode está se perguntando como seria uma intensidade confortável. Eu vou te responder que depende de alguns fatores internos, desde uma projeção vocal adequada, modulação e velocidade de fala equilibrada, clareza articulatória, preferivelmente com qualidade vocal e sem rouquidão.  Entretanto, existem fatores que podem interferir, como por exemplo, ausência de cuidados necessários à saúde vocal, tais como falta de hidratação, de descanso vocal, entre outros.

Não se preocupe se você não entendeu o que falei no parágrafo anterior, eu irei detalhar cada informação em post futuro. Mas no momento, eu quero que você entenda que intensidade depende de dois aspectos, os fatores internos da pessoa, desde saúde vocal, estado emocional, característica pessoal, se é introspectivo ou extrovertido, além dos fatores externos, tais como poeira, ruído ambiente, ar condicionado, entre outros.

Eu vou focar em dois aspectos internos, primeiro a característica, já que estudos comprovam que pessoas que falam pouco e de forma baixa, geralmente são introvertidas e optam por carreiras que não requerem muita interação social, enquanto as que falam muito e de forma alta são aquelas extrovertidas, que se socializam, como, por exemplo, os operadores de telesserviços.

Com relação ao estado emocional, independente da sua característica que eu mencionei, se tiver com raiva de alguém, você aumenta a sua intensidade inconscientemente, da mesma forma caso você esteja alegre, eufórico. Mas caso você esteja melancólico, você inconscientemente vai diminuir.

Então, como você pode conquistar uma intensidade vocal adequada? Primeiro, você precisa ter uma autopercepção da sua intensidade dentro do ambiente de trabalho e fora. Caso você não tenha noção, logo no final desse post, eu deixei um “teste rápido” para você fazer sobre o grau de intensidade vocal, depois me passe um feedback. Segundo, ouça o que pessoas falam de você, se reclamam que você fala alto ou baixo demais e em quais situações.

Eu espero que esse post te ajude a ter consciência desse instrumento maravilhoso que é a sua “VOZ” que talvez, você não perceba o FORTE impacto que tem na sua vida. 

Se não leu o post anterior leia, envie um comentário, mande o seu resultado do teste de autopercepção para o e-mail: fonocarolinesf@gmail.com , e compartilhe ajudando mais pessoas a mudarem suas vidas em 2018.

 

Logo a seguir tem o Teste de Autopercepção do grau de intensidade da voz (adaptado).

 

Autoavaliação vocal:

 Voz muito boa ( ) Voz boa ( ) Voz razoável ( ) Voz ruim ( )

 

Assinale apenas uma opção para cada pergunta, nas diferentes situações. Não existem respostas certas ou erradas para esta avaliação.

Situação 1 . Voz fora do trabalho

Pessoa quieta não falante ( )

Pessoa que fala em volume médio ( )  

Pessoa que fala muito alto ( )  

 

Situação 2 . Voz no trabalho

Pessoa quieta não falante ( )

Pessoa que fala em volume médio ( )  

Pessoa que fala muito alto ( )  










Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.