Sábado, 27 de Fevereiro de 2021

Walber Sousa

Consultor Empresarial, atua em empresas de Pequeno e Médio porte, nas áreas Administrativa, Finanças e Controladoria; Formação em Ciências Contábeis, Pós Graduação em Contabilidade Gerencial e Controladoria e MBA FGV em Gestão Empresarial.

Ver todas as colunas

Caixa x Resultado!!!



Caixa x Resultado!!!!!

094-01-2018

Dentre as expertises que um empreendedor deve ter, é saber interpretar a diferença entre Caixa (recursos disponíveis) e Resultado (lucro ou prejuízo), pois são informações fundamentais para a continuidade de seu empreendimento.

Na Gestão Empresarial um ponto sensível é a disponibilidade de recursos financeiros ou sua falta, resumindo, sobra ou falta de dinheiro.

  •          Na falta de recursos: é natural que os ânimos (stress) dos gestores fiquem alterados, muitas vezes a angustia se torna presente e agregados a outros fatores emocionais negativos, dificultam a possibilidade de identificar oportunidades;
  •          No excesso de recursos: tão perigoso quanto a falta de recursos, o excesso, ativa a “Zona de Conforto”, talvez um dos maiores problemas a gestão empresarial; a tranquilidade na solução dos problemas, se é que os problemas são identificados.

Ter dinheiro em caixa, diferente do que muitos pensam, não necessariamente significa que a empresa apresenta “lucro”, tão pouco sua falta significa “prejuízo”, existem diversos fatores que em conjunto devem ser analisados.

Para tornar mais prático vamos exemplificar com uma empresa que trabalha com serviços, e que tem por padrão receber recursos antecipados dos clientes para poder iniciar projetos, com certeza essa empresa terá caixa durante determinado tempo, mas não necessariamente terá resultado positivo ao final do projeto, o material utilizado para desenvolvimento do projeto, os impostos, a mão de obra, os custos fixos, além dos custos financeiros (muitas vezes desprezados) podem mascarar e comprometer os resultados da empresa; e se um novo projeto é iniciado simultaneamente, também com antecipação de valores pelos clientes, caso não haja o devido controle financeiro dos projetos, um grande problema está para acontecer....

Os Custos Fixos quando não controlados devidamente, tendem a crescer de maneira acelerada quando a “sobra de caixa” é existente; efetivar contratos individuais que darão tranquilidade a empresa é uma pratica natural buscando eficiência na gestão, porém, ao consolidar (sumarizar) o conjunto dos gastos totais (Custo Fixo) muitas vezes tornam-se assustadores e é imprescindível a necessidade de ações fortes (ajustes) para traze-los a realidade da empresa.

Ter em mãos periodicamente o Fluxo de Caixa e a DRE (Demonstração de Resultados da Empresa), além de se possível outros informes gerenciais, são ferramentas importantes para a gestão empresarial.

Vale pensar, e se sua empresa não tiver essas ferramentas, é interessante trabalhar com profissionais especializados para implanta-las!!!

 

Walber Almeida Xavier de Sousa

Consultor e diretor da AXS Consultoria Empresarial (Administração, Finanças e Controladoria).

www.axsconsultoria.com.br

 










Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.