Domingo, 22 de Setembro de 2019

Carolina Fachini De Divitiis

Formada em Turismo pela Universidade Anhembi Morumbi (2004), Carolina é supervisora de operações da empresa Eurolink Travel Managment.
Filha de médico e socióloga, nasceu e cresceu em um ambiente preparado para as relações interpessoais. Mas o que parecia incorporado em Carolina, aflorou-se como desconhecido e depois de um obstáculo profissional, viu-se necessitada de aprofundar seus conhecimentos na área de liderança, gestão de pessoas e motivação.

E serão esses conhecimentos, em constante evolução, que a Carolina irá compartilhar com a finalidade de contribuir para o crescimento pessoal e profissional do indivíduo.

Ver todas as colunas

Dores e desafios da liderança feminina



Recentemente a Revista Exame publicou um artigo sobre Yunha Kim, CEO que recebeu uma cantada enquanto buscava por um novo engenheiro para sua startup. Veja o link da matéria. 

Esse é um dos muitos desafios que mulheres enfrentam ao se destacarem no ambiente profissional. Aliás, em todos os ambientes. É cada vez mais difícil saber como lidar com as situações diversas as quais somos condicionadas. Como disse Yunha “Se você é agressiva, você é uma vadia. Se emocional, está com TPM. Se suave, você é muito feminina”.

Segundo o IBGE, nas grandes empresas menos de 14% dos cargos de diretoria são do sexo feminino, nas microempresas a porcentagem é maior,  45,1%, e nas médias e grandes, 31,8%.

Muito desse desnivelamento se deve ao fato do mercado estar engessado em um pensamento no qual somente líderes que impõe, que aumentam o tom de voz, que são secos (características masculinas), são capazes de gerir uma empresa. O ambiente corporativo acredita que é necessário uma liderança que, em muitos casos, imponha medo.

É possível oferecer uma liderança de qualidade em um espaço de identidade masculina tendo em vista que a liderança feminina traz algumas vantagens que têm a ver com o papel original, cultural, tradicional da mulher dentro da sociedade. São características que hoje passaram a exercer forte importância aos cargos de liderança: facilidade na criação de equipes unidas e cooperativas; percepção da necessidade de mudanças; maior flexibilidade; maior domínio na otimização de tempo; etc.

Há muito as mulheres vêm se destacando no âmbito do conhecimento (que é o principal fator de valorização das organizações na atualidade), logo, pressupõe-se que aqueles que detêm qualidades como capacidade para inovar e intuição estão mais bem preparados para ocupar cargos de chefia e liderança, pois não se trata apenas de competência técnica e intelectual, mas, sobretudo, de competência interpessoal, como aponta Gomes no texto “O outro no trabalho: mulher e gestão” para a Revista de Gestão de 2005.

Finalizo com o quadro abaixo, de Botelheo et al para a dissertação “Desafios Gerenciasi das Mulheres Empreendedoras”, que aponta as favoráveis femininas para a liderança.

 

Fonte: Botelho et al.










Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2018, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.