Sábado, 27 de Fevereiro de 2021

Walber Sousa

Consultor Empresarial, atua em empresas de Pequeno e Médio porte, nas áreas Administrativa, Finanças e Controladoria; Formação em Ciências Contábeis, Pós Graduação em Contabilidade Gerencial e Controladoria e MBA FGV em Gestão Empresarial.

Ver todas as colunas

Endividamento Alto altera o foco da Gestão Empresarial



Endividamento Alto altera o foco da Gestão Empresarial

161-08-2018

É quase que impossível empreender sem que haja a captação de recursos financeiros junto aos bancos; a medida que as empresas vão crescendo a necessidade de recursos financeiros par investimentos ou mesmo para giro se faz necessário, e os bancos estão “a disposição” para ajudar as empresas.

Quando essa captação é realizada após estudos, isso geralmente acontece quando o objetivo é focado em investimentos, é natural que seja realizado um planejamento do Fluxo de Caixa, prevendo quando os investimentos realizados trarão retorno a empresa e ajudarão a minimizar os efeitos dos desembolsos mensais realizados pela empresa.

Entretanto, quando a captação é realizada para Capital de Giro, a situação tende a ficar um pouco mais complicada, quando a necessidade do Giro é algo pontual e no planejamento de Caixa é possível identificar num futuro próximo entradas que farão com que a empresa retome a situação no “azul”, esse empréstimo será saldado e a situação tende a acontecer naturalmente; mas na grande maioria das empresas essa realidade é pouco comum, geralmente as empresas recorrem aos bancos ou a terceiros em busca de capital para cobrir “buracos no financeiro”, a situação pode ser chamada de apagar incêndio, e infelizmente isso tende a ser tornar uma rotina que periodicamente vai se repetir.

Quando essa “rotina” passa a fazer parte do roll de atividades do departamento financeiro, a empresa passou a assumir o conceito de devedora e boa pagadora, porém, se a Gestão da empresa tiver acompanhamentos de Resultados poderá com certeza observar que em seus resultados os bancos ou seja o Custo Financeiro estará mensalmente tornando-se mais relevante nos resultados da empresa e comprometendo a possibilidade de lucro.

Estar com as contas em dia, não quer dizer que a empresa é viável ou mesmo lucrativa, muitas vezes essa pratica acaba por criar um “Zona de Conforto” na Gestão que faz com que a empresa passe a acumular Resultados negativos constantemente e pode inclusive comprometer a sua continuidade num futuro não muito distante.

A Administração deve ter o cuidado de acompanhar mensalmente os Resultados por meio da DRE e decisões, como campanhas promocionais, cortes de gastos, entre outras ações devem ser colocadas em pratica o mais breve.

Voltando ao Endividamento Bancário, as empresas que assumiram ser devedoras, quase que constantemente consolidam um Passivo Bancário que as expõem a taxas e garantias altíssimas, ate que os créditos sejam cortados, pois não haverá mais interesse por arte dos bancos em se expor a um risco alto e toda a gestão nesse momento estará comprometida.

Como resolver?

O alongamento do Passivo Bancário quando realizado por especialistas, com planejamento especifico para cada tipo de empresa, pois contratos são diferentes uns dos outros, taxas, garantias, stress do relacionamento, tudo isso deve ser levado em conta.

O alongamento de forma administrativa, com certeza trará grandes benefícios a empresa, pois poderá ser definido mediante negociações com os bancos sem envolvimento do jurídico e o mais importante quando é realizada por profissionais é que as condições de pagamentos ocorrerão dentro da capacidade da empresa e não as impostas pelos bancos quando a tratativa é realizada entre banco x empresário/gestores.

Vale conferir!!!

Walber Almeida Xavier de Sousa - Diretor da AXS Consultoria Empresarial (www.axsconsultoria.com.br), atua na Gestão Empresarial de empresas de pequeno e médio porte, nas áreas de Administração, Finanças e Controladoria. Graduado em Ciências Contábeis, Pós-Graduado em Contabilidade Gerencial e Controladoria e com MBA em Gestão Empresarial.

  •          Gestão Empresarial administração, Finanças e Controladoria
  •          Inventário e Avaliação Patrimonial
  •          Valuation
  •          Renegociação de Dívidas Bancárias

www.axsconsultoria.com.br

 

 










Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.