Domingo, 11 de Abril de 2021

27/8/2009 - São Roque - SP

Em dez anos, São Roque viverá do Turismo, diz prefeito em entrevista a jornal




da Redação

Em entrevista ao jornal Cruzeiro do Sul, de Sorocaba, em comemoração aos 352 anos de São Roque, o prefeito Efaneu Nolasco Godinho afirmou que em dez anos a cidade viverá do turismo

Confira na íntegra a reportagem do Cruzeiro do Sul.

 

Com a cabeça 10 anos a frente a Estância Turística de São Roque comemora hoje 352 anos. É este o tempo que o município levará para viver efetivamente do turismo. Segundo o prefeito Efaneu Nolasco Godinho (PSDB), o trabalho mais contundente com turismo foi iniciado há oito anos, por isso, principalmente com os moradores, o trabalho é de conscientizá-los sobre a importância de “bem receber” os turistas e adequar, principalmente o comércio central para atender os visitantes. “Fazendo tudo isso nosso projeto é fortalecer o turismo, a construção de mais hotéis, mais destaque para a gastronomia, coisas que qualificam o município”, falou, lembrando que além do vinho e da alcachofra, São Roque agora visa trabalhar também com a carne da rã, e já há um ranário na cidade para experimentos da exótica especiaria.

Com mais de 70 mil habitantes, e com um crescimento de 5% no primeiro semestre deste ano, conforme os dados da Fundação Seade, o prefeito se disse confortável para afirmar que o município está bem encaminhado, mas reforçou que a idéia é dar um passo atrás do outro, sem “atropelar” o processo que, segundo ele, precisa de tempo para realizar o sonho de viver do turismo. Ele citou o exemplo da cidade gaúcha, Gramado, que na década de 60 começou a trabalhar o turismo de forma tranquila até que chegasse em meados dos anos 2000, quando enfim conseguiu esta autossuficiência no segmento, e hoje já tem a própria comunidade mobilizada e trabalhando em prol do turismo local.

Segundo os dados repassados pelo chefe de Divisão do Turismo, Sandro Cobello, cerca de 600 mil pessoas visitam a estância anualmente, a maioria famílias e com carro próprio. Do total, 70% são da Capital e grande São Paulo e, nos últimos anos tem aumentado o número de visitantes vindos da região de Sorocaba e Jundiaí, que já chegam a 20% dos visitantes. Para expandir deste raio de alcance que é de aproximadamente 100 quilômetros, Cobello contou que estão investindo pesado em divulgação, principalmente em participações em feiras de turismo em todo o país e também aguardando a conclusão do Rodoanel, prevista para novembro, que deverá facilitar a vinda de turistas da baixada santista, que não precisarão entrar em São Paulo para chegar à cidade.

Copa de 2014

É com a cabeça na Copa do Mundo de 2014 que o município está solicitando junto aos Ministérios do Turismo e das Cidades o repasse de uma verba para melhorar a infraestrutura da cidade. “Temos bons hotéis, restaurantes, atrações turísticas e o mais importante, estamos muito próximos da Capital, mas ainda precisamos melhorar”, explicou o prefeito. Para tanto, entraram em contato com o comitê responsável pela Copa do Mundo em São Paulo, pleiteando hospedar uma das seleções participantes do evento. A intenção é projetar a cidade, que tornou-se estância turística há 19 anos, para um raio além do regional, alcançando notoriedade nacional como potencial turístico.

Para o prefeito, não apenas a ideia de uma seleção seria interessante, ele também entende que a cidade pode abrigar turistas nacionais e internacionais que vierem a São Paulo acompanhar alguns jogos, já que a cidade deverá ficar saturada com o contingente e o mais provável é que se hospedem em cidades próximas. Como reforçou, uma peculiaridade geográfica favorece o município, que fica 40 minutos da Capital e entre as regiões de Sorocaba e Campinas. “As nossas chances são muito boas”, comemorou.



Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Guia São Roque.


Enviar esta notícia por email

Imóveis em São Roque

Apartamentos

Áreas Industriais

Casas

Chácaras

Comercial

Condominios

Fazendas

Haras

Sítios

Terrenos

Anuncie seu Imóvel

Além de consumir o serviço de Aluguel de louças para festas.

Quando se pensa na realização de um evento social, seja ele uma festa familiar ou uma recepção empresarial,Aluguel de louças, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos a serem usados é grande. Além de consumir bastante tempo, o custo e a logística de obtenção dos mesmos é significativa.

Aluguel de louças para festas Moema, a preocupação com a aquisição dos pratos, talheres e outros equipamentos é significativa.



Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2021, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.