Domingo, 22 de Outubro de 2017

6/9/2007 - São Roque - SP

Escola Tibério Justo da Silva realiza concurso pedagógico e premia alunos




Cerca de 60 alunos das séries 4º A e 4º B da escola municipal Tibério Justo da Silva do bairro Mailasqui participaram durante o mês de agosto de um concurso promovido pela escola, o soletrando.

De acordo com uma das idealizadoras do concurso, a professora Edna Torres de Camargo França, a idéia foi inspirada no programa da TV Globo apresentado pelo Luciano Huck aos sábados, com o objetivo de testar o interesse dos alunos pelo estudo, além de fazer com que eles aprendam palavras que não são comuns do dia-a-dia, assim como a colocação correta de acentos. “Eles nos surpreenderam e o resultado foi bastante positivo”, comentou entusiasmada.

A diretora da escola, Teresinha de Cássia Campos disse também que os alunos atualmente apresentavam muitos erros ortográficos. “A nossa expectativa é de que essa ‘brincadeira’ ajude a sanar as dificuldades dos estudantes”, explicou. Além disso, ela salientou ainda que meta é ampliar o projeto para os outros anos, pois só vem a acrescentar na qualidade do ensino.

Concurso
A idéia do concurso partiu das professoras Edna Torres e Deise Aparecida Carvalho Germano e foi realizado em quatro fases: simples, médio e forte, por eliminatórias. Edna explicou que foi passada para os 62 alunos uma lista com 340 palavras para os alunos estudarem durante as férias de julho para disputarem o concurso em agosto “e os que estudaram mais conseguiram chegar à final”, destacou.

A final aconteceu na manhã de quarta-feira, dia 27. Os finalistas foram: Milena dos Santos Gonçalves que conseguiu o 3º lugar, Emerson Araújo Alves dos Santos que conquistou o 2º lugar e Samuel Augusto Veiga Vasques, o vencedor da competição. Cada um dos finalistas recebeu um kit pedagógico e medalhas, com exceção do primeiro colocado que ganhou também um trófeu.

O policial militar e instrutor do Proerd (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência), Marco Antonio Evangelista, que também esteve presente na final do concurso, disse que esse tipo de trabalho com os estudantes é muito importante, pois estimula o interesse deles pelo estudo que às vezes na teroria não demonstram, e que, além disso, contribui ainda para que as crianças fiquem longe das drogas e da prática da violência.



Campeão
O vencedor do concurso, Samuel Augusto disse que ficou muito contente em conseguir o primeiro lugar, mas destacou que o que valeu mesmo foi à participação. “Agradeço a a minha professora Deise pelo incentivo e coloco para meu scolegas que estudem muito, porque só assim seremos alguém na vida, o estudo é muito importante”.
Para a mãe do campeão, Maritza Rodrigues de Souza o resultado do seu filho não foi surpreendente. “Meu filho é muito inteligente e ele estudou bastante para isso”, comentou orgulhosa.

Fonte: Prefeitura de São Roque


Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Guia São Roque.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.