31/7/2009 - São Roque - SP

Sabesp quer terceirizar o problema do esgoto de São Roque

da Redação

Os prefeitos de São Roque, Efaneu Nolasco Godinho, de Mairinque, Dennys Veneri, de Araçariguama, Roque Hoffman, e de Alumínio, Jacob Sauda, se reuniram na quarta-feira, dia 29, com a Secretária de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo, Dilma Seli Pena e com o Presidente da Sabesp, Gesner Oliveira para discutir soluções para as demandas de abastecimento de água e de esgoto da região.

Os prefeitos criticaram os serviços prestados atualmente pela empresa em seus respectivos municípios e cobraram da Secretária de Estado investimentos para solucionar os problemas no menor espaço de tempo possível.

De acordo com a assessoria de imprensa da prefeitura de São Roque, Efaneu cobrou uma solução rápida para o problema do esgoto na cidade.

A secretária de Saneamento do Estado concordou com o prefeito e reconheceu que a situação do saneamento na região é realmente grave. Ela propôs que a Sabesp firme parcerias público-privadas (PPP) com empresas que farão os investimentos e vão operar os serviços.

Dilma Pena esclareceu que não há recursos financeiros disponíveis para todas as ações e anunciou que o Governo Estadual e a Sabesp buscarão ajuda na iniciativa privada para atender as demandas da região.

Os prefeitos compreenderam a necessidade de buscar recursos fora da esfera estadual, mas pediram à secretária para que microrregião seja contemplada com uma parceria específica, restrita aos municípios de Alumínio, Araçariguama, Mairinque, São Roque, Ibiúna e Vargem Grande Paulista.

Além disso, os prefeitos exigiram um cronograma especificando as ações necessárias em cada município. “Não adianta discutirmos tudo isso se não soubermos quando essas coisas vão acontecer”, comentou Efaneu.

Uma nova reunião será realizada em 15 dias. Neste período a Sabesp e a Secretaria de Saneamento e Energia devem formatar um cronograma com ações concretas que será submetido aos prefeitos.