Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017

29/1/2008 - São Roque - SP

Vigilância de São Roque alerta sobre a vacina contra a febre amarela




O serviço de Vigilância Epidemiológica de São Roque informa que a cidade está aplicando a vacina de febre amarela, conforme liberação de doses pela Secretaria do Estado da Saúde de São Paulo, por meio da regional de Sorocaba. Por esse motivo senhas estão sendo distribuídas para facilitar o atendimento.

Segundo a chefe do setor e enfermeira, Luzia Helena Mirim desde quando houve o alerta sobre os casos da doença, sendo um óbito de uma pessoa residente em Brasília e de outros casos de pessoas que foram infectadas em Goiás e Mato Grosso do Sul, as vacinas estão sendo distribuídas e priorizadas para a população que pretendem viajar para as áreas de risco. “A procura está sendo muito grande pela vacina”, comenta. “A vacina tem validade por 10 anos, mas antes desse prazo, tomar a segunda dose pode causar reações adversas”, alerta a enfermeira.

Em São Roque a vacina pode ser encontrada apenas no Centro de Saúde próximo à rodoviária. Na segunda-feira, dia 28, o posto estará aplicando novas doses.

Febre amarela
A febre amarela é uma doença que faz milhares de vítimas no Brasil, principalmente na região norte. Ela é provocada por um vírus, que é transmitido ao homem pela fêmea do mosquito “Aedes Aegypti”.

A febre amarela está presente, principalmente, nas áreas tropicais e subtropicais, em função das condições climáticas favoráveis para a o desenvolvimento deste tipo de inseto. A região amazônica, por exemplo, é um importante local de desenvolvimento da doença, pois o clima quente, as chuvas (alto índice pluviométrico) e a grande quantidade de rios facilitam a reprodução deste do mosquito e o alastramento da enfermidade. Após ser picado pelo mosquito, o indivíduo contaminado começa a apresentar uma série de sintomas: febre alta (podendo chegar a 40 graus centígrados), fortes dores de cabeça, vômitos, problemas no fígado e até hemorragias (sangramentos). O período incubação do vírus é de três a sete dias. A pessoa infectada apresenta também uma pigmentação amarelada da pele e nos olhos.

Fonte: Prefeitura de São Roque


Comunicar erro nesta notícia

Se você encontrou erro nesta notícia, por favor preencha os campos abaixo. O link da página será enviado automaticamente ao Guia São Roque.


Enviar esta notícia por email
Dogus Comunicação

Sobre a Dogus Comunicação  |   Política de Privacidade  |   Receba Novidades  |   Acesse pelo Celular

Melhor Visualizado em 1200x900 - © Copyright 2007 - 2017, Dogus Comunicação. Todos os direitos reservados.